Aprenda a definir metas e indicadores de desempenho!


Os indicadores são ferramentas essenciais ao planejamento e controle dos processos das organizações, possibilitando mensurar a qualidade e eficiência dos processos, indicando o grau de competitividade da empresa em relação aos concorrentes e a preferência dos clientes. Os resultado são fundamentais para a análise crítica dos desempenhos, para a tomada de decisões e para o novo ciclo de planejamento.


A característica essencial para uma boa gestão da organização é a capacidade de aplicar com sucesso seus indicadores para a medição de seu desempenho, viabilizando um maior conhecimento de seus processos, relacionados com os pontos críticos, permitindo uma avaliação contínua da eficiência, eficácia e efetividade de seus gerenciamentos, processos e pessoas.


Para superar todos os desafios empresariais, tais como a escassez de mão de obra qualificada, falta de investimentos, capacidade limitada de produção, custos elevados de logística, impostos e tributos, crédito restrito entre outros, é importante ter disciplina, criatividade e inovação em uma gestão inteligente de alta performance com a redução de custos e aumento de eficiência.


Tipos de Indicadores:


Existem vários aspectos que devem ser considerados na criação dos indicadores, como a complexidade de operação, fatores internos e externos e interdependências. Desse modo é adequado estabelecer categorias e definir indicadores por processos, setor, produtos e por equipe.


Existem quatro tipos de indicadores que podem ser usados para medir o desempenho de todas as partes de uma empresa. São eles: 


a) Estratégicos


Os indicadores estratégicos informam o quanto a organização se encontra na direção da consecução de sua visão e refletem o desempenho em relação aos fatores críticos para o êxito. Com eles, é possível descobrir onde está a empresa em relação aos objetivos que foram estabelecidos anteriormente, indicam o caminho e fornecem um comparativo de como está o cenário atual da empresa em detrimento ao que deveria ser.

Exemplo: Índice de crescimento da receita.


b) Produtividade / Eficiência


Os indicadores de produtividade medem a proporção de recursos consumidos com relação às saídas dos processos e devem andar lado a lado com os de qualidade.


Exemplo: Produtividade de cada colaborador, por hora trabalhada e por hora/máquina.


c) Qualidade


Os indicadores de qualidade focam nas medidas de satisfação dos clientes e as características do produto/serviço.

Medem como o produto ou serviço é percebido pelos usuários e a capacidade do processo em atender os requisitos desses usuários. Estes ajudam a compreender qualquer desvio ou não-conformidade ocorrida durante um processo produtivo.


Exemplo: Quantidade de reclamações que um serviço recebe durante um período, que deve ser comparada ao nível de aceitação obtido pelo mesmo serviço.


d) Capacidade


Medem a capacidade de resposta de um processo através da relação entre saídas produzidas por unidade de tempo.


Exemplo: Quantidade de produtos que uma máquina consegue embalar durante um determinado período de tempo.



Metas ou Indicadores


Metas e indicadores devem ser utilizados em conjunto, para auxiliar a gestão, criar rotinas de trabalho e fortalecer o engajamento de equipes.


Metas são valores quantitativos ou qualitativos a serem atingidos em um determinado momento futuro. Há um prazo determinado, porém quando o prazo é longo, a recomendação é definir pontos intermediários, para permitir o acompanhamento mais efetivo.


São os indicadores que nos permitem o acompanhamento, monitoramento e avaliação dos projetos, programas, políticas e da própria organização para o cumprimento das metas estabelecidas.


Como estabelecer metas?


A definição de metas é fundamental para uma gestão com foco em resultados. Porém as metas deverão ser realistas e alinhadas aos limites de atuação, competências, responsabilidades, know-how e experiências dos colaboradores e da organização.

Metas inatingíveis podem causar estresse, frustração e até penalidades aos profissionais.


Para estabelecer metas reais para equipe é importante:


a) Estar bem informado.

Importante entender o momento da empresa, situação do mercado, estratégias corporativas, medidas econômicas, concorrentes e novas tecnologias e outras informações que possibilitem uma visão abrangente.


b) Contar com a participação dos colaboradores.

A participação dos colaboradores reforça o comprometimento de todos. Uma iniciativa interessante é adotar a metodologia OKR (Objectives and Key Results), baseada em um modelo de gestão com foco em objetivos e resultados, por meio da administração, controle e acompanhamento de metas e indicadores. Por meio desta, o gestor e colaborador atuam em conjunto mas cabe ao próprio profissional estabelecer ao menos 60% de suas metas.


c) Reavaliação das metas com frequência.

É recomendável a reavaliação ao menos uma vez por semestre, das metas estratégias, planos de ação e resultados gerais, além de considerar fatores externos como novas demandas, nichos e oportunidades, aquecimento ou retração da economia e perfil dos clientes.


d) Ser objetivo e planejar os meios.

É preciso ser objetivo e prático. As metas devem ser traduzidas em números, taxas ou percentuais para facilitar o entendimento de todos e eliminar a subjetividade, com o acompanhamento, análise e planejamento dos meios para atingi-lás.


e) Distribuir metas de acordo com as funções.

As metas devem ser distribuídas acordo com os limites de atuação de cada profissional para que todos tenham chances reais de atingir e superar os desafios designados.


f) Monitoramento dos prazos e resultados.

Cronogramas, prazos e resultados devem ser monitorados constantemente (PDCA) de modo a evitar atrasos e desvios das entregas.


g) Criar um sistema de recompensas.

É interessante criar uma conexão do sucesso da organização ao desempenho e comprometimento dos colaboradores, gerando incentivo ao trabalho em equipe e colaboração para juntos atingirem um resultado mais expressivo para toda empresa.



Gostou deste conteúdo? Acha que ele foi útil para você? Entra em contato conosco e não perca mais nenhum post publicado aqui no blog!


0 visualização
  • Facebook Reflexão
  • Instagram Reflexão
  • Reflexão YouTube
  • LinkedIn Reflexão